banner laranjeirasfm
DERROTAS

Partindo para o isolamento, Josué Neto marca sucessivas derrotas e se encaminha para mais uma: presidência da Assembleia

Agora, completamente isolado e sem diálogo com os deputados da base do governo, Josué não conseguirá ter a sua reeleição para presidente da Assembleia. O deputado vai acumular mais uma derrota partindo para o isolamento sem chances até de compor na Mesa Diretora.

30/11/2020 18h43
Por: Sadim Salatiel

O deputado estadual Josué Neto (PRTB) não teve um ano tão bom como teve ano passado após ter conseguido ser eleito presidente da Assembleia com a ajuda do Governo do Amazonas.

Em um ano atípico com pandemia, o parlamentar tentou a todo custo emplacar o processo de impeachment de Wilson Lima e Carlos Almeida na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) mas não conseguiu sucesso. Usou e abusou da estrutura pública do Poder Legislativo ao tentar contratar por R$ 195 mil, sem licitação, o escritório do advogado André Ramos Tavares, responsável elaborar o parecer contra o processo de impeachment da ex-presidente da República Dilma Rousseff (PT) em 2016. Manipulou os dirigentes do Sindicato dos Médicos do Amazonas (Simeam) por meio do presidente Mário Viana.

Durante todo o ano enquanto os deputados buscavam ajudar o Governo do Amazonas no combate ao coronavírus, Josué cometia atos duvidosos até chegar ao ponto do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) suspender o processo de impeachment contra o governador e o vice. Tal decisão deixou Josué mais transtornado levando a perda do apoio dos colegas deputados na Casa.

Sendo ainda presidente da Assembleia, tentou se lançar candidato a prefeito de Manaus nas eleições municipais deste ano, mas não conseguiu pontuar em pesquisas de intenções de votos. Filiou-se ao PRTB do vice-presidente da República. Levou apenas o deputado estadual Fausto Júnior para a sigla.

No primeiro turno Josué levou o PRTB para a coligação de David Almeida (Avante). Ele disse que David estava alinhado com as pautas do presidente da República e que “Manaus não merece mais ser administrada sendo oposição ao governo Bolsonaro. Nosso partido vai estar junto com você, na sua administração pra gente também lhe ajudar. Nós queremos ajudar Manaus”, declarou Josué Neto.

No segundo turno, o deputado decidiu mais uma vez manipular as pessoas ao usar o colega Fausto Júnior para comunicar que o PRTB estava saindo da coligação de apoio do David. Fora da coligação, Josué tentou interferir na votação ao acusar David de ter apoio do governador Wilson Lima. Neto saiu da coligação de David e decidiu caminhar com Amazonino Mendes mas não esperava que o mesmo fosse perder a eleição pra prefeito no último domingo (29).

Agora, completamente isolado e sem diálogo com os deputados da base do governo, Josué não conseguirá ter a sua reeleição para presidente da Assembleia. O deputado vai acumular mais uma derrota partindo para o isolamento sem chances até de compor na Mesa Diretora.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.