banner laranjeirasfm
ELEIÇÕES 2020

“Quem fala pelo governador é o governador” diz Wilson sobre apoio a David Almeida

Governador solicitou sindicância para apurar áudio vazado de suposta servidora da Sejusc

19/11/2020 15h44Atualizado há 2 semanas
Por: Andreia Souza
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O governador Wilson Lima (PSC) se pronunciou na manhã desta quinta-feira (19), sobre suposto apoio ao candidato a prefeito de Manaus, David Almeida (Avante).

Nos últimos dias, áudios e notícias em blogs ligadas ao candidato à prefeitura de Manaus Amazonino Mendes e ao seu vice ambos do Podemos divulgaram fake News com a tentativa de atrapalharem a eleições.

Na coletiva de imprensa realizada hoje pela manhã, após o anuncio das medidas econômicas relacionadas ao funcionalismo público, o governador Wilson Lima respondeu a indagação do repórter sobre o vídeo que circula nas redes sociais da servidora que diz que o Governador estaria apoiando ao candidato David Almeida, e Lima respondeu. “Não há nenhuma determinação do governo neste sentido. Eu não me manifestei e não declarei apoio a ninguém. E ninguém fala em nome do governador, quem fala pelo governador sou eu, Wilson Lima”, afirmou o Wilson em entrevista à imprensa, no Palácio da Compensa.

Sindicância

Além disso, o chefe do Executivo estadual determinou a abertura de sindicância para apurar um áudio vazado e compartilhado por adversários.

Nele, uma suposta servidora do estado afirma que há ordem de Wilson para apoiar David.

Determinei a abertura de uma sindicância pra saber se é servidora pública. Se ela cometeu algum tipo de crime, e se isso for confirmado, ela será afastada de suas funções”, disse.

Reunião com o prefeito eleito

Wilson também afirmou que, independentemente de quem vencer o pleito, Amazonino ou David, quer receber o prefeito eleito no dia seguinte no seu gabinete.

Que o eleitor faça a sua escolha. E quem for eleito prefeito, no dia seguinte, quero receber no Palácio [do Governo] pra gente poder fazer ações que possam melhorar a cidade de Manaus. Estou aberto ao diálogo”, concluiu.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.