banner laranjeirasfm
PEDIDO NEGADO

Após requerimento, Deputado Péricles não autoriza pedido de David Almeida para depor na CPI da Saúde

O presidente da CPI alegou que o ex-governador interino não possui nenhuma relação aos fatos que estão sendo investigados neste momento, apesar de ter sido citado na quinta-feira (23)

27/07/2020 14h28Atualizado há 1 semana
Por:

Após pedido de requerimento de David Almeida (Avante) para depor na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Saúde na manhã desta segunda-feira (27), o presidente da CPI, deputado delegado Péricles Nascimento (PSL) indeferiu a solicitação alegando que a comissão não reconhece nenhuma relação de David com os fatos investigados.

“Sobre requerimento do colega e ex-deputado estadual David Almeida, já indefiro esse pedido até pra dizer a todos que esta CPI não investiga diretamente pessoas, mas apura fatos que supostamente são ilegais. E com o desencadear destes fatos, são levantadas as relações dessas pessoas. Tendo em vista disso, afirmo que David Almeida, na época ex-governador interino, não teve nenhuma relação com que o foi apresentado”, informou Péricles.

Na quinta-feira (23), foram apresentados documentos que destacavam o nome do ex-governador, por isso resolveu se voluntariar a depor. Entretanto, o presidente da CPI da Saúde ressaltou que não descarta a possibilidade de ouvir o pré-candidato a prefeito caso seja necessário, apesar

O indeferimento foi divulgado no encerramento da sessão desta segunda (27) que ouvia o depoimento do empresário Tiago Simões Leite, sócio-administrador da empresa MEDPLUS Serviços Médicos Ltda.

Conforme, vídeo publicado nas redes sociais oficiais de David Almeida, o pedido de participação se deu por conta dele ouvir a citação de um pagamento que ocorreu durante sua gestão interina no Governo do Amazonas, após a cassação do ex-governador José Melo na Operação Maus Caminhos.

Além de disponibilizar para Aleam informações que, segundo David, “contribuem para a comissão apurar fatos e problemas com relação à saúde do Amazonas”, o pré-candidato pelo Avante orientou que o também ex-governador Amazonino Mendes também entre com requerimento para prestar depoimentos.

“Após a minha vinda, se a CPI assim entender certamente o governador Amazonino Mendes deverá comparecer à Aleam. Pois tem muitos documentos oficiais que contribuirão para às investigações. Quero que ele faça o mesmo que eu. Se coloque a disposição da CPI para prestar depoimento”, declarou David.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.