Domingo, 26 de Junho de 2022
92 98468-7887
Educação ESTUDANTES

Parlamento Jovem finaliza na próxima semana a escolha dos estudantes que representarão as escolas na Aleam

Estudantes irão compor a Assembleia Legislativa Jovem

20/05/2022 15h03 Atualizada há 4 semanas
Por: Diego Andrade

A Escola do Legislativo “Senador José Lindoso”, da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), começa a semana de 23 a 27 de maio com atividades do Parlamento Jovem, programa coordenado pela Gerência de Educação Cidadã, em parceria com a Secretaria Estadual de Educação e Desporto (Seduc), com a eleição de estudantes, que irão se juntar aos outros já eleitos para compor a Assembleia Legislativa Jovem, no mês de junho.

Na segunda-feira (23) é a vez do Parlamento Jovem ir até a Escola Estadual Eliana de Freitas – CMPM VII, no bairro Lagoa Azul, zona Norte da capital, quando serão eleitos um deputado jovem e um suplente, depois dos estudantes assistirem à palestras sobre temas como Cidadania e conceitos de Ciência Política.

Na terça-feira (24), o Parlamento Jovem vai até Iranduba (distante 27 km de Manaus) para mais uma eleição, no Centro de Ensino de Tempo Integral (CETI) Maria Isabel do Desterro. Na quarta-feira (25), ocorrerá uma reunião geral entre as diretorias da Aleam, para definição dos ajustes finais antes do início das atividades com todos os parlamentares jovens reunidos e na quinta-feira (26), reunião preparatória com os parlamentares jovens. Na sexta-feira (27), o programa irá a Manacapuru (68 km de Manaus), na Escola Estadual Nossa Senhora de Nazaré, para eleger mais dois estudantes.

Os 48 jovens deputados e deputadas jovens e seus respectivos suplentes, oriundos de escolas públicas estaduais, elegerão duas chapas que irão concorrer para a composição da Mesa Diretora. Os alunos assistirão a palestras com temas como cidadania, voto consciente, divisão e funções dos Poderes, importância das leis, o que é política e como ela influencia as suas vidas. Cada jovem parlamentar irá elaborar um Projeto de Lei e defendê-lo no plenário, podendo chegar à votação pelos deputados estaduais e se tornar lei.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.