Sábado, 25 de Junho de 2022
92 98468-7887
Política CORREDORES DO PODER

Wilson Lima impõe mais uma derrota a Amazonino Mendes

Mais uma demonstração que seus reflexos não são mais os mesmos, o Negão perdeu o partido que já estava nas suas mãos, prefere morrer no bico do urubu, ou melhor dos tucanos.

10/03/2022 14h48
Por: Eduardo Menezes
Wilson Lima impõe mais uma derrota a Amazonino Mendes

O governador Wilson Lima anunciou nesta quinta-feira (9), que se filiou ao União Brasil, partido que estava inclinado a abrigar o ex-governador Amazonino Mendes. Depois de muitas articulações e tensões nos bastidores, a queda de braço foi vencida pelo atual mandatário do Estado, que impõe mais uma derrota a Amazonino Mendes, para que ele possa ostentar em sua coleção de derrotas dos últimos anos.

Segundo informações de bastidores, a principal queixa dos dirigentes do União Brasil seria a mania de Amazonino de usar as legendas para se eleger e depois descarta-las. A falta de lealdade do ex-governador superou o prestígio como político e o fez perder a galinha dos ovos de ouro das eleições de 2022. Parece que os reflexos da velha raposa não estão tão aguçados assim, mas esperar o que de um político ancião com táticas emboloradas pelo tempo e orgulhoso demais admitir que precisa sair de cena? Prefere morrer no bico do urubu, ou melhor dos tucanos. 

Mas quem pensa que a vida de Wilson Lima será fácil, está muito enganado. Lima sempre foi visto como aliado do presidente Jair Bolsonaro (PL), porém é melhor “jair” se acostumando com a ideia de não estar no mesmo palanque que ele. Ontem (9), houve o anúncio que a sigla terá candidato próprio à presidência, o que complica um pouco o cenário para o governador, sobretudo agora após Bolsonaro firmar compromisso pró Zona Franca de Manaus (ZFM).

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.