Sexta, 28 de Janeiro de 2022
92 98468-7887
Política ELEIÇÕES 2022

Sendo o deputado federal mais antigo do Amazonas, Átila Lins deve disputar reeleição mirando o 9º mandato

Nos dois principais anos da pandemia da Covid-19, 2020 e 2021, Átila usou mais de R$ 700 mil da Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar – CEAP, o famoso ‘Cotão’. Em 2020 foram R$ 302.010,47 e R$ 437.616,79 em 2021. Vale ressalta que em 2020 as sessões da Câmara dos Deputados foram híbridas.

11/01/2022 12h46 Atualizada há 2 semanas
Por: Sadim Salatiel
Sendo o deputado federal mais antigo do Amazonas, Átila Lins deve disputar reeleição mirando o 9º mandato

Desde 1991 como deputado federal, o economista Átila Lins (Progressista) é o parlamentar mais antigo do Amazonas. O político disputou o primeiro mandato em 1990 e tomou posse no ano seguinte. Foi eleito pelo antigo Partido da Frente Liberal (PFL). Lins é natural do município de Fonte Boa. É formado em Direito e Economia pela Universidade Federal do Amazonas. Antes de ser político, foi auditor do TCE.

Em 2022, o deputado tentará disputar a reeleição que poderá lhe render o nono mandato de deputado federal. Ele é um dos poucos da Câmara dos Deputados que acumula o maior número de mandatos desde a redemocratização.

Na última reeleição, em 2018, Átila recebeu 118.700 votos. Foi o terceiro deputado federal mais votado, ficando atrás dos deputados José Ricardo (PT) e Delegado Federal Pablo Oliveira (PSL). Átila Lins é o irmão mais novo do deputado estadual Belarmino Lins (Progressista) e do ex-deputado federal José de Jesus Lins de Albuquerque. Ele também é tio da vereadora Yomara Lins (PRTB) e irmão da conselheira e ex-presidente do Tribunal de Contas do Amazonas (TCE).

Em 2020, o 'O Globo' publicou uma reportagem envolvendo o nome do deputado em uma investigação da Polícia Federal (PF) que teria revelado pressão de Átila em cima do ex-superintendente do Ibama. Na Operação Arquimedes, deflagrada entre 2017 e 2019 no Amazonas. Policiais e procuradores desmantelaram um esquema envolvendo empresários e agentes públicos para “esquentar” madeira extraída de áreas irregulares e vendê-la no mercado interno e externo como se fosse produto legal. O parlamentar, no entanto, não é um dos 22 denunciados, por balcão de negócios criminoso no Amazonas envolvendo fraudes nas licenças ambientais. Ao analisarem o conteúdo do telefone do funcionário Barroso Leland, fiscal do Ibama responsável pelo local, os investigadores encontraram trocas de mensagens entre ele e o deputado federal Átila Lins nas quais o parlamentar pressionava Leland para reabrir serrarias que haviam sido fechadas por fiscais do Ibama semanas antes.

Nos dois principais anos da pandemia da Covid-19, 2020 e 2021, Átila usou mais de R$ 700 mil da Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar – CEAP, o famoso ‘Cotão’. Em 2020 foram R$ 302.010,47 e R$ 437.616,79 em 2021. Vale ressalta que em 2020 as sessões da Câmara dos Deputados foram híbridas.  

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Corredores do Poder
Sobre Corredores do Poder
As principais informações e análises sobre os bastidores da política do Amazonas e de Brasília.
Manaus - AM
Atualizado às 08h50 - Fonte: Climatempo
25°
Muitas nuvens

Mín. 23° Máx. 30°

25° Sensação
6 km/h Vento
94% Umidade do ar
90% (25mm) Chance de chuva
Amanhã (29/01)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 29°

Sol com muitas nuvens e chuva
Domingo (30/01)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 30°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.