Sexta, 22 de Outubro de 2021
92 98468-7887
Polícia RESGATE

Polícia estoura cativeiro e resgata adolescente sequestrada na manhã deste sábado em Manaus

Na ação um criminoso morreu ao trocar tiros com a polícia e outros três se encontram foragidos.

09/10/2021 22h43 Atualizada há 1 semana
Por: Hanna Rocha
Foto: CM7 Brasil
Foto: CM7 Brasil

Na manhã deste sábado (9), uma adolescente de 15 anos, identificada como Antônia Oliveira, foi sequestrada por criminosos fortemente armados, após sair de um carro de transporte por aplicativo na Rua Toledo, bairro Santa Etelvina, Zona Norte da capital.

Câmeras de segurança registraram o momento em que a jovem é sequestrada. De acordo com informações, os bandidos pediam R$100 mil para liberar Antônia, que estava em cárcere privado. Segundo informações a vítima é irmã do proprietário de uma loja de mármore na capital.

Durante o decorrer do dia deste sábado (9), policiais do DRCO e grupo FERA em ação conjunta, estiveram à frente das investigações, junto com a família da menor. Criminosos enviaram fotos a família, onde facilitou na localização do cativeiro. Os criminosos exigiam o valor de R$ 100 mil reais pelo resgate.

No final da tarde, policiais saíram em busca do cativeiro, localizado no bairro Cidade de Deus, chegando ao local, foram recebidos a tiros por um dos criminosos, revidando a injusta agressão, houve uma troca de tiros e um dos criminosos foi alvejado e morto no local. Antônia que esta grávida teve sua integridade física preservada foi libertada e entregue a família.

Peritos do Departamento de Polícia Técnica Científica (DPTC) estiveram no local para colher indícios de outros envolvidos. Outros agentes se deslocaram para outros bairros em busca de localizar integrantes do grupo, responsáveis pelo sequestro da jovem.

A PC-AM deve realizar uma coletiva de imprensa nos próximos dias, momento em que irá fornecer maiores detalhes sobre o caso.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.