Domingo, 19 de Setembro de 2021
92 98468-7887
Política ABUSO DE PODER

“Gilberto do Cão” faz cobrança indevida a empresários, diz denúncia; veja o vídeo

Segundo informações de bastidores, com a arrecadação do montante exigido das empresas, o secretário quer “ajudar” o senador Omar Aziz nas eleições de 2022, já que o prefeito Augusto Ferraz só foi eleito graças a esse padrinho.

26/07/2021 10h31 Atualizada há 2 meses
Por: Eduardo Menezes

Agora aliado a Omar Aziz, Gilberto tem como tarefa capitalizar a campanha do senador à reeleição 

Gilberto Alves de Deus, secretário do município de Iranduba, está cobrando de empresas proprietárias de lotes de terra na região cerca de R$ 50 milhões. Segundo o secretário, esse valor deixou de ser arrecadado por conta da falta de pagamento de ISS (Imposto Sobre Serviço) das incorporadoras nos últimos 5 meses. Além disso, as empresas não estariam dispostas a pagar a renovação do alvará para construção.

Conforme o secretário, existem lotes de terras sendo vendidos de maneira irregular; “Porque tem muita gente vendendo dizendo que o condomínio está todo legalizado e não está, inclusive no IPAAM (Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas), no setor de Meio Ambiente! Tem condomínios que nós estamos embargando porque não estão atendendo à legislação do Meio Ambiente!”, contou Gilberto de Deus, dizendo ainda, que Áreas de Proteção Permanente (APP) estão sendo destruídas nesses locais, com extração irregular de madeira.

No entanto, segundo denúncias, a banda não toca conforme diz o secretário. Um vídeo postado nas redes sociais do prefeito Augusto Ferraz (DEM), mostra a indignação de um homem identificado como Mellody, que seria responsável pelo loteamento Tropical. No vídeo, o homem afirma ter trabalhado com o atual prefeito e chama o secretário de “Gilberto do Cão”.

Outra revolta dos empresários seria o aumento abusivo e sem justificativa do valor da renovação do alvará, que saltou de R$ 4 mil, para até R$ 2 milhões. Segundo fontes do Laranjeiras News na prefeitura, tanto o prefeito Augusto Ferraz quanto o secretário Gilberto de Deus, procuraram o diretor presidente do Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (IPAAM), Juliano Valente para solicitar o embargo de obras de incorporadoras naquele município, no entanto, após receber uma resposta negativa resolveram agir por conta própria embargando o andamento de obras nos terrenos.

Segundo a 1ª turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ), julgou, por unanimidade, que não há incidência de ISS sobre incorporação imobiliária, ou seja, quando a construção do imóvel se der pelo incorporador em terreno próprio, pois nesta hipótese atua como construtor, e não prestador de serviço, já que dentro desta jurisprudência não há como prestar serviços a si mesmo. A decisão ocorreu em 15 de setembro de 2020, o que derruba a imposição do secretário Gilberto de Deus.

A reportagem entrou em contato com a Prefeitura de Iranduba e com o IPAAM, mas não obteve retorno até a noite deste sábado (25).

Bastidores

Segundo informações de bastidores, o objetivo da arrecadação predatória do secretário Gilberto de Deus, é fomentar financeiramente a campanha política do senador Omar Aziz (PSD), que foi nada menos que o padrinho político de Augusto Ferraz para ser alçado à prefeitura de Iranduba. Gilberto é apontado como o prefeito postiço no município, onde ele toma todas as decisões, inclusive supostamente decide sobre contratações e quem vencerá licitação.

Além das incorporadoras, o polo de cerâmica e até restaurantes estão sendo afetados com as medidas do secretário, que já começou a refletir também nos empregos. Em conversa com a reportagem, um dos empresários relatou que já demitiu 15 pessoas. Mesmo com a grave crise econômica que o país passa, por conta da pandemia de Covid-19, que afetou o comércio e serviços, a ganância pelo poder e dinheiro ainda predominam.

Iranduba retrocedeu a Era do Coronelismo, no entanto, está sendo comandado por um “capitão do mato” que vive nos esgotos da casa grande.

 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Corredores do Poder
Sobre Corredores do Poder
As principais informações e análises sobre os bastidores da política do Amazonas e de Brasília.
Manaus - AM
Atualizado às 23h19 - Fonte: Climatempo
24°
Alguma nebulosidade

Mín. 24° Máx. 32°

24° Sensação
2 km/h Vento
94% Umidade do ar
67% (6mm) Chance de chuva
Amanhã (20/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 32°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Terça (21/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 33°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.