Domingo, 11 de Abril de 2021
92 98468-7887
Polícia OPERAÇÃO

Operação “Pavimentação Off” prende quadrilha pelo furto de usina de asfalto avaliada em R$ 120 mil

Um dos envolvidos na ação criminosa, o Orleilson, é dono de uma empresa de fretes, na qual fazia o transporte dos asfaltos subtraídos na usina.

08/04/2021 14h01
Por: Joyce Carvalho
FOTO: DIVULGAÇÃO
FOTO: DIVULGAÇÃO

Ao longo desta terça-feira(6) e quarta-feira (7), a Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd), deflagrou a operação ‘Pavimento Off’, que culminou nas prisões, em flagrante, de Charles Pessoa Dias, de 45 anos; Dhenison Abreo de Souza, 35; Edison Guedes de Oliveira, 50, e Orleilson Alves da Silva, 42, pelo furto de uma usina de asfalto avaliada em R$ 120 mil.

De acordo com o delegado Denis Pinho, titular da Especializada, as diligências em torno do caso começaram após a equipe de investigação tomar conhecimento de que os infratores haviam contratado uma empresa de frete para realizar o transporte da usina.

“Um dos envolvidos na ação criminosa, o Orleilson, é dono de uma empresa de fretes, na qual fazia o transporte dos asfaltos subtraídos na usina. Ele participava diretamente do crime, juntamente com os outros três, tendo ele sido preso na quarta, momento em que a quadrilha estava furtando a usina”, disse o delegado.

Segundo a autoridade policial, a prisão dos indivíduos ocorreu na avenida Professor Paulo Braga, bairro Lago Azul, zona norte, no momento em que os homens estavam executando o crime. Outras duas pessoas com suposto envolvimento no crime está sendo procuradas.

Ainda conforme Pinho, durante a operação, foram apreendidos veículos da marca Hyundai, modelo HB20, um caminhão guincho utilizado na ação criminosa e objetos da usina.

Procedimentos – O trio irá responder pelos crimes de furto qualificado e associação criminosa. Após o término dos procedimentos cabíveis na Especializada, eles serão encaminhados à Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde ficarão à disposição da Justiça.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.