Quarta, 14 de Abril de 2021
92 98468-7887
Política ELEIÇÕES 2022

Políticos da Direita começam articulações para as eleições de 2022 no AM

Ao contrário da divisão percebida durante o pleito municipal do ano passado, sinalizaram a unificação de pautas em prol das eleições futuras.

07/04/2021 10h05
Por: Joyce Carvalho
FOTO: DIVULGAÇÃO
FOTO: DIVULGAÇÃO

As articulações para as eleições de 2022, começam a movimentar o cenário político no Amazonas. Políticos e representantes de movimentos sociais ligados à direita têm realizado mobilizações e, ao contrário da divisão percebida durante o pleito municipal do ano passado, sinalizaram a unificação de pautas em prol das eleições futuras.

 

De acordo com o deputado federal capitão Alberto (Republicanos) está no aguardo das definições dos nomes que vão ser apoiados por Bolsonaro no próximo ano antes de anunciar as pretensões políticas. No entanto, o parlamentar, que também é vice-líder do governo na Câmara dos Deputados, afirmou que é necessária a união dos políticos de direita.

 

Alberto Neto esteve presente em uma mobilização promovida pelo movimento “Direita Amazonas”, no último sábado (2), na avenida Djalma Batista. Além de apoiadores, o “adesivaço” contou com a presença do vereador capitão Carpê (Republicanos) e políticos conservadores como o ex-vereador Chico Preto (DC) e Romero Reis (Novo), que foram adversários de Alberto Neto na disputa pelo comando da Prefeitura de Manaus em 2020.

 

"É necessário que a gente não cometa o mesmo erro que ocorreu nas eleições para a Prefeitura. De deixar a direita muito dividida. Precisamos corrigir isso para que em 2022 a direita esteja unida, para vir com a melhor escalação para representar bem o Amazonas e que não venhamos perder essa vaga para pessoas que não tenham o mesmo viés ideológico e econômico", disse Alberto Neto.

 

O vereador Carpê afirmou que apesar do nome de Pazuello ser novidade para ele, vai estar atento aos outros nomes e aguardar as diretrizes do Republicanos para declarar apoio.

"O que sei sobre ele é muito raso, mas se for um bom nome que esteja pronto possa somar para o Amazonas é uma opção", disse o vereador.

O ex-vereador Chico Preto afirmou que também é favorável à unidade da direita no Amazonas. Segundo Chico Preto, que almeja uma vaga na Câmara dos Deputados ou no Senado, é necessário que haja convergência entre ideias de pessoas que tenham pensamentos semelhantes, vindos de um mesmo espectro ideológico.

Quanto ao nome de Pazuello, Chico Preto afirmou que não tem um posicionamento a respeito do ex-ministro, por conhecer tão somente a breve atuação dele à frente do Ministério da Saúde.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.